Ícone do site

crush in you

Vetadas nas redes sociais, fotos originais da campanha criada por agência carioca para um sex shop ganha as páginas de POP-SE com exclusividade e sem (re)cortes

Texto_Decornautas
Fotografias_Diego Mello 
Conceito/Criação_Camisa 10*

É impossível ser feliz sozinho? Poeta, senta que lá vem textão. Lá atrás, na época que você criou essa obra de arte, nossas mães, tias e avós lutavam pela nossa independência. Hoje somos donas do próprio corpo, livres para escolher com quem ficar. Ou mesmo se queremos ficar com alguém. Fundamental é mesmo o amor. Curta-se. Aceite-se. Apaixone-se por você”. As imagens são lindas. O conceito, idem. Tudo muito bem executado, do manifesto de auto-amor (coincidentemente, tema de nossa edição), à narrativa contemporânea, contundente, necessária, corajosa. 

A agência carioca Camisa 10 criou a primeira campanha de Dia dos Namorados da Amare Sex Shop – marca que defende a diversidade, valorizando o respeito, a liberdade e o empoderamento da mulher. Nos identificamos muito com o conceito da ação, batizada por eles de “Crush Yourself”, um convite para as pessoas se amarem e conhecerem melhor o próprio corpo. As peças, montadas para serem veiculadas em cartazes no PDV e nas redes sociais do label, caíram na malha fina da censura na era digital. Talvez os bots tenham decodificado o conteúdo como nudez e tenham tirado as fotos do ar ou impedido a promoção – acontece com frequência conosco, mesmo quando se tratam de trabalhos artísticos inseridos na arquitetura, por exemplo. Fotógrafo carioca que já colaborou com os Decornautas em outros ensaios editoriais, Diego Mello cortou uma bundinha aqui e uma cinturinha acolá e postou em sua conta, sem retaliações. Quando vimos (e descobrimos a história), fizemos questão de pedir autorização para publicar os originais. Claro que, por questões de fórum jornalístico, optamos por fazê-lo sem a interferência da arte gráfica (de ótima qualidade), para que você não pensasse que se trata de publicidade (embora sejamos amantes da indústria da propaganda e recomendemos que você mergulhe sem medo de ser feliz no insta @amare_official, o barato aqui é totalmente editorial, não inclui nenhuma vantagem financeira, em gesto absolutamente voluntário, espontâneo). E é muito mais do que isso. É a qualidade do conteúdo por trás da missão de venda. “Você precisa se apaixonar por alguém que respeite o seu tempo. Que faça as suas vontades. Entenda seus medos, fantasias e ansiedades. Alguém que esteja acostumado com suas crises. Até mesmo as de riso. Alguém que você levaria para uma ilha deserta, ou pro show que você sempre quis ir. Que cuide bem do seu cachorro. Adore os seus amigos. E sabe qual é a melhor parte? Você nem precisa procurar esse alguém. Esse alguém é você.” Originalmente sobrepostos às imagens que mostramos cruas nessas páginas, os textos dizem tudo e mais um pouco sobre se curtir, se aceitar (confira no portfolio digital da agência: c10propaganda.com.br). “As horas passam. A ansiedade aumenta. Agora você já conta os minutos. Segundos até. E começa a sentir aquele friozinho gostoso.  Percorrendo cada poro do seu corpo. Tudo porque hoje você vai ficar a sós. Com uma pessoa muito especial: você”. Vale o papel ou não vale? Claro.

(fotos publicadas sem a arte gráfica dos anúncios)


  

Sair da versão mobile